O Festival Internacional de Teatro de Guajará-Mirim, o FESTINAÇU, é uma produção e realização da Associação Cultural Waraji e acontece ininterruptamente desde 2011 na cidade fronteiriça de Guajará-Mirim. É o único festival cênico com característica internacional em Rondônia, fomentando encontros, pensando a partilha de pensamentos e provocações de bagagens para além das fronteiras imaginárias. Busca, principalmente, fortalecer a importância dos trabalhos artísticos no interior do Estado.

Com seu ineditismo, busca, também, amparar um déficit no processo de formação em artes cênicas na cidade de Guajará-Mirim e região.

O festival tem promovido, até agora, o intercâmbio entre a América do Sul, América do Norte, África e Europa, sendo um evento anual que, para além da vertente de espetáculos, promove paralelamente oficinas, exposições artísticas, residências artísticas, fóruns, encontros, debates e shows musicais. Teve a sua primeira edição em 2011 e, em 2012, internacionaliza-se.

logo waraji 2019 (1).png
 
logo waraji 2019 (1).png

11

Edições do Festival

CONTINUIDADE

154

Apresentações Artísiticas

DIVERSIDADE

39

Atividades

Formativas

APRIMORAMENTO

+900

Artistas beneficiados

COLETIVIDADE

11

Países

representados

CAPACIDADE

bg0top.jpg
completo_500x500_Site.png

O "MANAFLOR - Festival de Música e Arte na Floresta'' é uma mostra da produção de ações do segmento de música, que busca contemplar artistas nacionais e internacionais, permitindo assim a difusão da produção artística na fronteira entre Brasil e Bolívia. O festival já teve duas edições.

MANAFLOR

faixa_central.jpg
Banda de rock

ROCKAÇU é um festival de música Rock que começou como um festival binacional na fronteira e acabou evoluindo para um encontro de Rock na fronteira com bandas do Estado todo. O Festival tem três edições.

ROCKAÇU

rock-açu.jpg
ODoidoEaMorte7.jpg